A SAÚDE VESTE KIMONO

27 jul
O projeto A Saúde Veste Kimono, do CMS Portus, Quitanda e Tom Jobim, participa do concurso Cidades Ativas, Cidades Saudáveis, promovido pela Organização Panamericana de Saúde. Vote e contribua para o reconhecimento internacional desta iniciativa de promoção da saúde do município do Rio de Janeiro!

 

A Saúde Veste Kimono: esporte, cidadania e saúde em Costa Barros

O esporte, mais precisamente o jiu jitsu, foi a forma encontrada pela Equipe de Saúde da Família do Centro Municipal de Saúde Portus, Quitanda e Tom Jobim, da CAP 3.3, para captar adolescentes e jovens para participar de ações em saúde.

Por meio do projeto A Saúde Veste Kimono, os princípios do jiu jitsu– respeito, disciplina e caráter – são transmitidos aos jovens e adolescentes da comunidade e contribuem para o fortalecimento da autoestima e a conscientização dos alunos sobre a importância do cuidado à saúde, do desempenho escolar e da valorização da família. Além da prática esportiva, os integrantes do projeto são acompanhados permanentemente pela Equipe de Saúde da Família da unidade e participam de atividades de educação e promoção da saúde.

Assista ao vídeo do projeto A Saúde Veste Kimono

A gerente do CMS Portus, Quitanda e Tom Jobim, Lidyane Gomes Soares, relata que a experiência tem trazido resultados animadores. “Os jovens que integram a atividade tornam-se multiplicadores de informação em saúde e trazem toda a família para a unidade” Lidyane informa e ressalta que, além das aulas de jiu jitsu, o CMS Portus, Quitanda e Tom Jobim oferece outras atividades de promoção da saúde, como a prática de tai chi chuan, a caminhada da terceira idade, oficinas de artesanato, sessões de auriculoterapia e reflexologia e o bingo do hipertenso e do diabético.

Os jovens atletas do projeto A Saúde Veste Kimono já conquistaram mais de 20 medalhas de ouro, inclusive em campeonatos mundiais

A experiência teve em início em 2009 e a princípio contava com o trabalho voluntário de profissionais de saúde e agentes comunitários da unidade. Em 2010, a formalização do projeto por meio de parceria da Prefeitura do Rio com a ONG Viva Comunidade impulsionou a iniciativa e viabilizou a compra de quimonos, tatames e a contratação de mestre Osmar, inicialmente voluntário do projeto. Hoje o grupo integra 250 alunos, com idades entre 06 e 17 anos, e já conquistou mais de 20 medalhas de ouro, inclusive em campeonatos mundiais.

“O bairro de Costa Barros, onde estamos situados, é uma área extremamente vulnerável, com um dos Índices de Desenvolvimento Humano mais baixos do Rio de Janeiro. Iniciativas como o projeto A Saúde Veste Kimono são fundamentais para mostrar a crianças, jovens e adultos uma outra perspectiva de vida”, Lidyane comemora.


Anúncios

2 Respostas to “A SAÚDE VESTE KIMONO”

  1. Robson Ramos de Faria 17/08/2011 às 14:15 #

    Muito bom Osmar, parabéns .
    Depois de muito tempo o merecido prêmio.
    Em breve estarei com vocês.

  2. Daniele 19/04/2012 às 15:42 #

    todos vc estão de parabens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s